Novo Conceito, 2013, Edição: 1ª

Gabe Sullivan é um bombeiro de São Francisco que arrisca sua vida todos os dias. E sabe, por experiência própria, que não deve se envolver com as vítimas de incêndios. Megan Harris admite que deve tudo ao heroico bombeiro que entrou no prédio em chamas para salvar sua filha de sete anos. Ela lhe deve tudo, exceto seu coração, pois, após perder o marido, cinco anos antes, jurara nunca mais sofrer por amor e pela perda. Contudo, quando Gabe e Megan se reencontram e as chamas incontroláveis do desejo se acendem, como ele poderia ignorar a coragem, a determinação e a beleza dela? E como ela poderia negar não apenas o forte vínculo de Gabe com sua filha, mas também a maneira como seus beijos carinhosamente sensuais a induziam a colocar em risco tudo o que manteve por tanto tempo? A atração entre Gabe e Megan é irresistível, e se ambos não forem cuidadosos, correm o risco de se apaixonar.


"Não posso me apaixonar" é o terceiro livro da família Sullivan e traz como protagonista Gabe, um bombeiro de São Francisco. Sua profissão arriscada sempre deixa sua mãe preocupada, mas Gabe é muito bom no que faz e em um dia normal em seu escritório acaba salvando uma garotinha de 7 anos, a Summer.
Summer vive com a sua mãe Megan, que é contadora. Megan é uma mãe incrível, que tenta passar o máximo de tempo possível com a filha. Summer é uma garotinha sensacional e é um desafio a qualquer leitor não se apaixonar por ela. Summer é inteligente, meiga e muito carismática.

Megan perdeu o marido há alguns anos e não quer ter um novo relacionamento, principalmente com alguém com uma profissão tão arriscada. Mas ela sabe que Gabe salvou o seu bem mais precioso e por isso precisa agradecê-lo pessoalmente por tudo. 

"Ela sempre soube não ser forte o suficiente para estar com um homem que arriscava a vida todos os dias". (p. 287)

O que mais envolve o leitor nessa série é o relacionamento familiar dos Sullivans. Em todos os livros a autora insere essa grande família, que dá apoio e às vezes algum "empurrãozinho" quando o Sullivan da vez é um pouco teimoso.
Um outro ponto positivo nesse livro é que a relação de Gabe e Megan acaba formando um novo núcleo familiar graças à Summer.

Com uma escrita leve e fluida, diálogos que vão do engraçado para o romântico e caliente e personagens que são absolutamente lindos por dentro e por fora, a autora acertou mais uma vez nesse romance fofo. 
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um bom trabalho. Existem alguns errinhos, mas nada que atrapalhasse a leitura ou entendimento do livro. A capa é muito bonita e tem um ar romântico, mas não é a ideal para esse casal. 

"Ela pressionou os lábios um pouco mais para baixo, bem abaixo do queixo, contra os pelos escuros eriçados, bem onde o batimento dele pulsava sobre a pele". (p. 150)


9 Comentários

  1. Gostei do livro, pela capa já achei que era outro romance erótico chulé (desculpa, mais to numa raiva dessa modinha que não aguento nem mais ver.. rsrsr).

    Mas em fim, achei bacana essa temática hot com um tema familiar fica ótimo, pois balanceia a coisa toda.

    ResponderExcluir
  2. Amo de montão os romances de Bella. Acho os Sullivans divinos e suas estórias são o máximo. E este romance é o que mais amo. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Nunca me interessei nesse livro, apesar de receber muito elogios, ainda assim não gosto.

    ResponderExcluir
  4. Oi, eu já li esse livor e gostei muito, acho os livros da série bem legal, por não serem somente hot, elas possuem uma parte romantica e isso é bem legal, adorei a historia do Gabe, esse bombeiro lindo e maravilhoso hehehe brinks. A resenha esta ótima parabéns.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  5. Adoro os livros da Bella Andre! Demorei um bom tempo pra criar coragem e ler, mas quando comecei não quis mais parar, li os cinco primeiros em menos de uma semana e ja estou arrependida de não ter comprado os outros, mas eu tinha algumas prioridades, então essa semana se tudo der certo lerei o restante pra tentar decidir qual é o meu favorito!!

    Bjssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Ainda não criei coragem pra ler nenhum livro de Bella Andre, as capas e a sinopse não me despertam interesse. Não curto muito livros hot. Sempre me dizem que se eu ler um, não vou mais conseguir parar. Talvez um dia eu dê uma chance à autora.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Awmmmmmmmmmmmm este é um dos mais românticos, ambos possuem traumas e feridas que precisam ser curadas e amei a forma como a autora fez a evolução deles no relacionamento =)

    ResponderExcluir
  8. A parte que envolve romance e outras emoções como esta, acho válido. Mas a autora pesa a mão no quesito erotismo e a coisa toda desanda...

    ResponderExcluir
  9. A capa é um espetáculo à parte.
    Parece ser uma história linda!
    Pretendo conferir.

    ResponderExcluir