Resenha: Horror Na Colina de Darrington - Marcus Barcelos

Editora: Faro Editorial
Ano: 2016
Páginas: 144
Gênero: Ficção / Horror / Literatura Brasileira / Suspense e Mistério / Terror
 
*Recebido em parceria
Sinopse: Em 2004, Benjamin Simons deixa o orfanato em que viveu desde a infância para ajudar alguns parentes num momento difícil: com sua tia debilitada e o tio trabalhando dia e noite, precisavam de alguém para tomar conta de sua prima Carla, de apenas cinco anos de idade. No entanto, certa madrugada, a tranquilidade da colina de Darrington é interrompida por um estranho pesadelo, que vai tomando formas reais a cada minuto. Logo, Ben descobre-se preso numa casa que abriga mistérios, onde o inferno parece mais próximo e o mal possui uma força evidente. Passaram-se mais de 10 anos. Isso tudo aconteceu quando Ben estava com dezessete anos, e foram experiências das quais ele preferia esquecer completamente… Mas aquele passado o acompanha de perto. Ben sente que precisa voltar e sabe que, ou desvenda tudo ou sempre viverá com medo. Então, ele decide contar, e traz numa narrativa angustiante e rica em detalhes tudo o que viveu e todas as batalhas impensáveis que travou para tentar manter a si próprio e a jovem prima em segurança. E se descobre no centro de uma conspiração capaz de destruir até a sua própria sanidade. Onde termina o inferno e começa a realidade?



"Horror na colina de Darrington" é um livro curtinho (tem apenas 144 páginas), mas que apresenta muito suspense em suas páginas. 

A história é narrada em primeira pessoa por Benjamim Simons. Ben é um adolescente de 17 anos de idade que ficou órfão e vai morar com os tios na Colina de Darrington após sua tia Júlia ter sofrido um derrame. 

Seu tio pede que Ben o ajude a cuidar de sua priminha Carla enquanto ele precisa trabalhar. Afinal, com a esposa acamada e uma filha pequena, torna-se quase impossível para o tio lidar com tudo sozinho.

Ben acredita que será uma boa opção para ele, um local tranquilo onde poderá pensar sobre seus problemas e lidar com a sua perda. Porém, ele não faz ideia do que irá acontecer...
Acontecimentos estranhos começam a surgir no casarão, fazendo com que Ben questionar a sua própria sanidade. Barulhos  bizarros dentro da casa, coisas se movendo e tantos outros eventos inexplicáveis.
"Atrás de mim, um bizarro barulho de cascos subindo as escadas começou a soar. Acima, a viga rangia assustadoramente. E, assim, o medo também se apoderou do meu coração. Segurei a Carlinha no meu colo e corri o mais rápido que pude para o quarto."
A narrativa é bem simples e o enredo é construído de forma direta, sem muitos artifícios ou enrolações, o que permite que a leitura seja realizada de forma rápida. Os personagens são interessantes, mas por se tratar de um livro curto, suas personalidades não foram totalmente trabalhadas.

"Horror na colina de Darrington" é um livro para aqueles leitores que gostam de suspense, mas sem cenas exageradas. A simplicidade da construção do enredo é um dos elementos que agradam durante a leitura.
"Éramos só eu e a Carla. E para protegê-la, pensei, encarando a entrada escura para o porão, de mãos dadas com minha priminha, eu iria até o inferno se fosse necessário."

6 comentários

  1. Olá parece ser um bom livro de suspense Gostei da sinopse ,que pena que o livro é bem curto mas é com certeza um história intrigante.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Livro de poucas paginas, mas que trás uma emoção ao ler, cheio de suspense e mistério. Gostei do fato que o enredo é simples e não cheio de detalhes, gosto de livros assim.
    Adicione na minha lista e espero ler em breve.
    Ótima resenha, beijos.

    ResponderExcluir
  3. Olá.
    Tenho vontade de ler esse livro, desde sua divulgação. Adoro um bom suspense e a premissa desse livro me deixou bastante ansiosa pela leitura! Lendo sua ótima resenha, fiquei mais motivada! Espero ter a chance de ler em breve.
    Obrigada pela dica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. O livro é realmente de terror, onde os trechos são descritos de uma forma onde podemos visualizar, como em um filme, cada cena macabra vivida pelo protagonista e sua família, algumas chegam a arrepiar.
    O autor consegue envolver o leitor na história e temos a sensação de viver tudo ao acompanhar o suplício de Bem.
    Desejo uma semana mais que tranquilo e abençoado!
    “Deus com Sua infinita Sabedoria, escondeu o Inferno no meio do Paraíso para que nós sempre estivéssemos atentos.” (Paulo Coelho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    O livro tem uma premissa muito boa, apesar de ser curtinho dar para aproveitar a leitura. A historia dessa família e bastante horripilante, parece até ser cena de filme de terro. Tenho uma imensa vontade de ler livros de terro, com certeza irei amar.

    ResponderExcluir
  6. O grande trunfo da livro é ser curto realmente e assim trata a estória melhor, sem enrolar muito ou acrescentar coisas desnecessárias, assim a leitura fica mais ágil e o suspense mais intenso por vermos que faltam poucas páginas para o fim, é um livro que dá pra ver o quanto o autor é talentoso e promissor.

    ResponderExcluir