Ano: 2017
Páginas: 288
Editora: Faro Editorial

Recebido em parceria com a Editora
Sinopse - Jules era viciada em trabalho. Colocando sempre o amor em segundo plano, sua principal meta era construir uma carreira com sólida reputação. Cal Donovan era muito parecido. Ele havia traçado uma lista de objetivos para alcançar na vida, e nela só havia espaço para ascensão profissional. Mas um encontro ao acaso muda tudo. De repente, o amor não parece uma distração para atrapalhar seus planos. Como fazer um relacionamento dar certo quando a sua cara-metade mora a milhares de quilômetros de você? Como viver esse amor sem abandonar tudo o que construiu? Algumas vezes as nossas mentes elaboram planos, estabelecem metas, perseguem sonhos. E algumas vezes os nossos corações ignoram as nossas mentes e decidem apostar no amor.


Jules é uma mulher de 27 anos de idade que trabalha como corretora de imóveis de alto padrão na Califórnia. Ela tem metas para o seu futuro e dedica-se integralmente em conquistá-los. Após o seu último relacionamento, onde o ex a acusou de trabalhar tanto que não se importava com mais nada, Jules decide que ser um casal não é algo compatível com sua vida no momento. E está tudo bem. Afinal, tudo o que ela mais quer no momento é mergulhar na carreira.
Porém, durante sua estadia em Boston, para uma conferência de trabalho, ela faz algumas amizades que decidem ir a um barzinho após um longo dia de palestras e atividades. E é quando ela conhece Cal.
No momento em que os dois se olham existe uma faísca, algo que desperta o interesse em ambos. Seria fácil para Jules ter uma aventura de alguns dias e seguir em frente, mas ela não é esse tipo de pessoa. Para ela, sexo é significativo e ela não tem casos de uma noite.
"O coração da gente fica em pedaços quando percebemos que os capítulos da nossa realidade se transformaram em lembranças. Todas as situações que eu havia acabado de viver com Cal, todo o tempo que nós passamos juntos, agora existiriam apenas na minha mente."
Cal tem 29 anos e tem a mesma perspectiva de vida que a Jules. Ele trabalha com finanças em uma grande empresa e o seu objetivo é tornar-se sócio. Para isso, ele se dedica integralmente ao trabalho, sem se preocupar com mulheres ou diversão.
Quando Jules e Cal começam a conversar no barzinho percebem que possuem muito em comum e decidem passar os próximos dias (após a Conferência) passeando por Boston. Porém, quanto mais tempo os dois passam juntos, mais percebem que terão dificuldades na hora da despedida. E é exatamente isso que acontece: quando Jules volta para a Califórnia, os dois começam a trocar mensagens e telefonemas.
"Corações não mentem. Bom, tudo bem, talvez mintam. Mas nós não podemos ludibriar o nosso coração como fazemos com a nossa mente. Corações sentem as coisas, independentemente da nossa vontade. Eles não são lógicos, não tentam dar sentido às coisas o tempo todo. Eles simplesmente sentem."
Então os dois começam a se conhecer ainda melhor e se sentem cada vez mais atraídos. Mas como poderão ter um relacionamento quando moram a quilômetros de distância um do outro?
O enredo do livro gira em torno dessa premissa, onde o casal de protagonistas narra em primeira pessoa a sua perspectiva em se envolver com alguém que mora do outro lado do país e ainda por cima manter suas prioridades pessoais em foco.
A história é gostosa de se ler pois traz um pouco do romance à moda antiga, onde as pessoas passavam um bom tempo conversando antes de se envolver fisicamente. Os telefonemas diários, as mensagens de incentivo e muito mais fazem parte do cotidiano do casal.
"Acordar todo dia e ler a mensagem: "Bom Dia, Minha linda" nas ultimas semanas tinha se tornado uma rotina muito bem-vinda."

9 Comentários

  1. Tô super a fim de ler esse livro
    mas tava pesquisando e tá tão carinho
    heheheheehe
    Pelo jeito é do tipo de história que gosto!

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi :)
    Romance clichê? Com certeza é comigo e já estou de olho no livro desde o lançamento, rs. Jules pelo visto é uma personagem surpreendente e bem pra frente, gostei disso, já o mocinho, bem me apaixonei antes mesmo da leitura e fiquei curiosa pra saber como esse casal termina.
    Sou apaixonada nessa capa, já tá na lista de desejados.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Que bom que você gostou do livro pelo menos a leitura valeu a pena mas não sei se eu vou me arriscar nele não gosto muito de livros de romance da escritora e não sei se eu realmente quero ver depois de outras críticas que eu vi sobre ele mas vamos ver o que o destino nos reserva

    ResponderExcluir
  4. Não gosto muito de romances, pois acho muito clichê! E esse parece ser um deles, com pessoas que não priorizavam o amor e, de repente, se apaixonam! Esse é um livro que não lerei, pois sei que não vou gostar!

    ResponderExcluir
  5. Sinceramente não é algo que me desperta vontade de ler :/
    Clichês já são ruins, em romances piores ainda! rs

    ResponderExcluir
  6. Tenho lido muitas resenhas a respeito desse livro, e todas sempre são recheadas de elogios positivos a respeito da história. Talvez seja por nos deparamos com um romance que vai além do envolvimento carnal, já que ambos moram distantes um do outro, e terão de lidar com isto da melhor forma. Esta me pareceu ter sido uma leitura, envolvente, e cativante.

    Venha participar do sorteio de um kit da caixinha da TAG Livros http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Achei que o livro tem uma ideia bem legal desse relacionamento a distância com personagens que são maduros ou que pelo menos pela idade deveriam ser. Só de ler a resenha fiquei torcendo para o casal ficarem juntos, mas não sei se é bem isso que acontece. Adorei os quotes selecionados e como nunca li nada da autora deu um gostinho de como é a escrita dela.

    ResponderExcluir
  8. Ai eu amei! Eu quero!!! parece uma linda história

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Eu já li resenha desse livro, a historia é bem envolvente, me deixou bastante curiosa. Eu obtenho o livro e tem uma premissa muito boa.

    Tempos Literários

    ResponderExcluir