Resenha: Uma Proposta e Nada Mais - Clube dos Sobreviventes # 1 - Mary Balogh

Editora: Arqueiro
Série: Clube dos Sobreviventes # 1
Páginas: 272
Ano: 2018
Gênero: Ficção / Literatura Estrangeira / Romance 
Onde Comprar: Amazon 

*Acervo pessoal 
Sinopse: Primeiro livro da série Clube dos Sobreviventes, Uma Proposta e Nada Mais é uma história intensa e cativante sobre segundas chances e sobre a perseverança do amor. Após ter tido sua cota de sofrimentos na vida, a jovem viúva Gwendoline, lady Muir, estava mais que satisfeita com sua rotina tranquila, e sempre resistiu a se casar novamente. Agora, porém, passou a se sentir solitária e inquieta, e considera a ideia de arranjar um marido calmo, refinado e que não espere muito dela. Ao conhecer Hugo Emes, o lorde Trentham, logo vê que ele não é nada disso. Grosseirão e carrancudo, Hugo é um cavalheiro apenas no nome: ganhou seu título em reconhecimento a feitos na guerra. Após a morte do pai, um rico negociante, ele se vê responsável pelo bem-estar da madrasta e da meia-irmã, e decide arranjar uma esposa para tornar essa nova fase menos penosa. Hugo a princípio não quer cortejar Gwen, pois a julga uma típica aristocrata mimada. Mas logo se torna incapaz de resistir a seu jeito inocente e sincero, sua risada contagiante, seu rosto adorável. Ela, por sua vez, começa a experimentar com ele sensações que jamais imaginava sentir novamente. E a cada beijo e cada carícia, Hugo a conquista mais – com seu desejo, seu amor e a promessa de fazê-la feliz para sempre.

Imaginem retornar de uma guerra e ter que se reinserir na sociedade como se nada tivesse acontecido. Alguns desses veteranos voltam com cicatrizes físicas, outros emocionais e tem aqueles que voltam com ambos os tipos. A série Clube dos Sobreviventes tem essa premissa como pano de fundo, onde cada um dos integrantes retornou da guerra diferente, seja da zona de combate ou não. Imogen Hayes, lady Barclay é a viúva de um oficial capturado e torturado pelos inimigos; Flavian Artnoot, visconde Ponsonby; Ralph Stockwood, conde de Berwick; sir Benedict Harper; Vincent Hunt, o lorde Darleigh e caçula do grupo e Hugo Emes, protagonista de Uma proposta e nada mais.

Uma vez por ano eles se reúnem na casa de campo do duque de Stanbrook, George Crabbe, um dos sobreviventes . Lá, a sociedade fica de fora e cada um deles pode discutir seus sentimentos e tirar a máscara que usam para os demais membros de Londres.
"-Sofremos neste lugar - explicou ele. - Nós nos curamos neste lugar. Desnudamos nossas almas uns para os outros. Deixar esta casa foi uma das coisas mais difíceis que fizemos. Mas era necessário para que nossas vidas voltassem a ter sentido. Uma vez por ano, porém, voltamos para recuperar nossa integridade ou para nos fortalecermos com a ilusão de que estamos inteiros."
Hugo Emes, o lorde Trentham é um homem que tem responsabilidades a cumprir. Sua madrasta é um tanto dramática e vive enclausurada, tirando a oportunidade de sua irmã mais nova Constance de se apresentar na sociedade. Como ela está com 19 anos de idade, sua aparição precisa ser feita o quanto antes e como Hugo é o representante da família, é seu dever ajudá-la. Para isso, ele sabe que precisa de uma esposa adequada para ajudá-lo com os obstáculos da sociedade londrina.
Gwen é uma mulher de 32 anos que perdeu o marido muito cedo e após sete anos de viuvez sente-se solitária. Ao mesmo tempo, receia envolver-se novamente, pois seu casamento não foi a felicidade plena que prometia no início do compromisso. 
“Ela passou a mão ao redor do pescoço dele. Sentia sua respiração no rosto. Sentia o perfume suave de sabão ou de colônia que percebera antes – algo sedutor e masculino.”
O interessante desse casal é que ambos são pés no chão e maduros o bastante para deixar claro seus pensamentos e sentimentos. São pessoas práticas, mas que também carregam as cicatrizes do passado e acabam crescendo bastante no decorrer do livro.
Como casal Hugo e Gwen combinam perfeitamente. Há química entre os dois e suas personalidades fortes se complementam. São pessoas preocupadas com o bem-estar daqueles que estão ao seu redor e tentam da melhor forma possível auxiliá-los.
“Além disso, se havia escuridão em sua alma, também existia uma considerável quantidade de luz.”
"Uma proposta e nada mais" é o primeiro livro da série e deixa as expectativas do leitor lá em cima para os próximos livros. Com uma história apaixonante, uma trama bem desenvolvida e personagens cativantes, esse é um livro que ficará no coração dos leitores.
“Os olhos,escuros de mais e penetrantes de mais para fazer com que uma mulher desejasse mergulhar neles. Não havia nada que sugerisse charme, humor ou qualquer calor em sua personalidade.”

Um comentário

  1. I think this book should be awesome dear,thanks for sharing..

    https://clicknorder.pk online shopping in pakistan

    ResponderExcluir