Resenha: O Dia Em Que O Presidente Desapareceu - James Patterson & Bill Clinton

Editora: Record
Páginas: 504
Ano: 2018
Gênero: Ficção / Suspense e Mistério
Onde Comprar: Amazon

*Recebido de cortesia da editora


Sinopse: O presidente desapareceu. O mundo fica em estado de choque. Mas o motivo do desaparecimento é muito pior do qualquer um pode imaginar. Com detalhes que só um presidente poderia conhecer, e o tipo de suspense que só James Patterson é capaz de criar, surge um dos maiores thrillers dos últimos tempos.




"O Dia em que o presidente desapareceu" é um thriller político repleto de reviravoltas, traições e muita ação. O Presidente Duncan é um homem que ama o seu país e tem orgulho do trabalho que ele e sua equipe realizada. Há pouco tempo, passou por maus momentos na sua vida pessoal com o falecimento da esposa, mas a perda da esposa foi capaz de interromper seu trabalho de governar o país.

Infelizmente, para se governar um país, existem decisões que não são abertas ao público e muitas vezes, podem ser interpretadas erroneamente por terceiros, ainda mais quando tais decisões envolvem terroristas conhecidos mundialmente. E é nesse cenário que Duncan se encontra. Duncan e um seleto número de indivíduos descobre a existência de um vírus de computador que pode paralisar todo o país, prejudicando milhões de pessoas. Duncan acredita que Suliman Cindoruk, líder dos Filhos da Jihad está envolvido na criação desse vírus e precisa dele vivo para tentar descobrir como desativá-lo.

Suliman é jovem, inteligente e carismático. Com gostos caros e extravagantes, ele sabe muito bem como recrutar outros jovens que possuem habilidades cibernéticas. Durante os capítulos, observamos o seu cotidiano e como ele é movido pelo dinheiro, indiferente as consequências de suas ações.

Temos também uma assassina de aluguel excepcional, que cativa com sua narrativa indiferente e um passado traumático. Esses e tantos outros personagens vão compor a história dos bastidores do governo norte americano.

Porém, nada é fácil para o Presidente e logo ele desconfia que existe a possibilidade de um traidor estar próximo dele e por conta disso, pela primeira vez em muito tempo, Duncan terá que sair pelo mundo sozinho, correndo perigos por conta própria.

"... agora a tecnologia permite a qualquer um causar destruição total. Ela altera os termos, certo? A destruição mútua assegurada não é mais um fator impeditivo. Não é mais necessário recrutar milhares ou milhões para uma causa. Ter um exército, um movimento popular, tudo isso é desnecessário. Basta um homem, disposto a acabar com tudo, a morrer, se necessário, e que não seja suscetível a coerção nem negociação." (p. 146)
O fato de que atualmente tudo o que é necessário para cometer um ato criminoso e até mesmo letal é um computador torna a leitura aterrorizante, pois discute um tema que vemos em nossa sociedade: o ciberterrorismo.
Para os fãs de livros de ficção que exploram os bastidores políticos, com personagens bem construídos e complexos, o novo livro do autor James Patterson é uma ótima indicação. O fato de ter sido escrito em colaboração com o ex-presidente norte americano Bill Clinton torna o enredo ainda mais intrigante, pois ficamos nos questionando quantos detalhes são baseados em situações reais.

"Sozinho no salão, contemplo o retrato do primeiro presidente Roosevelt e fico pensando... Estou pensando se ainda teremos um país na segunda-feira." (p. 28)



4 comentários

  1. Olá Karini, tudo bem? Eu tenho lido algumas resenhas muito interessantes sobre esse livro, as criticas sobre ele estão sendo boas mas, acho o preço um pouco alto para o meu bolso por isso, vou esperar uma promoção para realizar a compra.
    Sua resenha ficou muito bem escrita e me deixou curiosa para saber como os autores irão abordar o ciberterrorismo, como será incluído e desenvolvido na história porque, trabalho com informática há mais de dez ano então, tudo sobre o tema de deixa curiosa.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Eu estou com esse livro há algum tempo, mas ainda não tive a oportunidade de ler. Espero fazer isso em breve, pois adoro tramas cheias de conspirações e mistérios. Além disso, pelo que percebi na sua resenha, a trama foi bem desenvolvida e os personagens parecem ser bem interessantes.
    Adorei a resenha e espero ler este livro em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?

    Eu gostei muito da sua resenha e impressões. Eu recebi "O dia em que o presidente desapareceu", mas ainda não consegui realizar essa leitura e pelo que li na sua resenha parece ser de fato uma bela leitura, vou tentar ler o quanto antes!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Olá gostei muito da resenha, vi alguns comentários sobre a obra e eu particularmente gosto muito de suspense acredito que iria gostar muito do livro, beijos!

    ResponderExcluir