Cinepipoca - Big Litle Lies (Pequenas Grandes Mentiras) - Série HBO

Criado por: David E. Kelley
Autor da Obra: Liane Moriarty
País: EUA
Gênero: Comédia, Drama, Romance, Suspense
Episódios: 7
Ano: 2017

Série adaptada para tv pela HBO

Mais uma adaptação de livro para as telas e com um elenco experiente e já consagrado. Além disso, já adianto que a trilha sonora está de arrasar!
A série foi baseada no best-seller homônimo da autora Liane Moriarty e nos trás a história de três mulheres que se unem devido a um bullying que seus filhos sofrem no colégio.




Tudo bem meus amores? Eu sempre fui viciada em séries e fazia tempo queria trazer o Cinepipoca para algo que pudéssemos falar sobre o que assistimos, gostamos ou não. E cá estou eu com minha segunda indicação de adaptação de livro para as telas. Acho que é segunda (pelo menos depois da alteração do nosso layout, repararam como o blog está lindinho?)..

Bom, mais uma vez, relembrando do Setembro Amarelo, o seriado trás relacionamentos abusivos, depressão, pensamentos suicidas, mas acreditem, que tem seus pontos mega positivos, mais uma vez encontrado através da sororidade e união entre as mulheres.. Prometo trazer algo que traga homens como principal integrante do post, porém, mais uma vez, esse é aborda os assuntos relacionados a doenças mentais, depressão, suicídios e uma forma de se ajustarem aos traumas e situações que levaram os personagens a estar entrar em determinadas situações.

O seriado Big Littler Lies, é baseado no livro Pequenas Grandes Mentiras de Liane Moriarty, lançado pela primeira vez aqui no Brasil (até onde sei), em 2015.

O enredo do livros é: Depois do sucesso de O segredo do meu marido, a autora australiana Liane Moriarty apresenta um livro ousado sobre as perigosas meias verdade que contamos a nós mesmos para sobreviver.

Com muita bebida e pouca comida, o encontro de pais dos alunos da Escola Pirriwee tem tudo para dar errado. Fantasiados de Audrey Hepburn e Elvis, os adultos começam a discutir já no portão de entrada, e, da varanda onde um pequeno grupo se juntou, alguém cai e morre.
Quem morreu? Foi acidente? Se foi homicídio, quem matou?
Pequenas grandes mentiras conta a história de três mulheres, cada uma delas diante de uma encruzilhada.
Madeline é forte e decidida. No segundo casamento, está muito chateada porque a filha do primeiro relacionamento quer morar com o pai e a jovem madrasta. Não bastasse isso, Skye, a filha do ex-marido com a nova mulher, está matriculada no mesmo jardim de infância da caçula de Madeline.
Celeste, mãe dos gêmeos Max e Josh, é uma mulher invejável. É magra, rica e bonita, e seu casamento com Perry parece perfeito demais para ser verdade.
Celeste e Madeleine ficam amigas de Jane, a jovem mãe solteira que se mudou para a cidade com o filho, Ziggy, fruto de uma noite malsucedida.
Quando Ziggy é acusado de bullying, as opiniões dos pais se dividem. As tensões nos pequenos grupos de mães vão aumentando até o fatídico dia em que alguém cai da varanda da escola e morre. Pais e professores têm impressões frequentemente contraditórias e a verdade fica difícil de ser alcançada.
Ao colocar em cena ex-maridos e segundas esposas, mãe e filhas, violência e escândalos familiares, Liane Moriarty escreveu um livro viciante, inteligente e bem-humorado, com observações perspicazes sobre a natureza humana.


Bom, para vocês que leram a sinopse do livro ou leram o livro em si, sabem que temos em mãos uma narrativa um tanto quanto densa, que traz muitos assuntos para se refletir, como relacionamentos abusivos, estupro, bullying, competição besta que rola entre pais e mães focados na vida dos filhos que acabam levando certas coisas mais a sério que as próprias crianças. O enredo também trás traições, cotidiano, comodismo, famílias desfeitas e refeitas com filhos em comum e brigas entre as mesmas, como é criar um filho sem um pai, entre outros assuntos. 

São apenas 7 episódios que me deixaram ligadona na tela até que tivesse concluído a série com o dia amanhecendo, tão fascinada com a trama que via na tela, quanto com a trilha sonora, que mais abaixo deixo disponível para vocês conferir.

Uma das coisas que talvez alguns possam não ter notado, mas esse seriado ou livro trás também a sororidade e o empoderamento das mulheres que se unem com um propósito comum, deixando de ser "inimigas" para se tornarem amigas e cúmplices. Tudo nesse seriado foi extraordinário, do começo ao fim. Juro que não esperava algo tão bom, onde não sei dizer se prefiro livro ou adaptação!

A história nos é mostrada intercalando flash do passado com um assassinato, o presente com interrogatórios e opiniões de uma comunidade elitista sobre os membros da mesma. Já no começo, como eu disse, temos um assassinato, e o desenrolar não nos revela nada, isso fica para o final com um toque de maestria. Todo o enredo vai no passado e volta no presente, afim de nos fazer pensar e indagar o que está acontecendo e quem possa ter cometido o crime e quais as motivações do mesmo.

Em uma primeira olhada vamos vendo vidas perfeitas, donas de casa ou empresárias bem sucedidas e pessoas no controle de suas vidas, para então isso cair por terra e nos mostrar quem é quem de verdade e que nada ali é tão perfeito quanto parece. Madeleine, por exemplo, é a "famosinha" que sabe tudo a respeito de todos, um pouco temida por conta de sua personalidade forte e impulsiva; mas ao mesmo tempo percebemos o quanto ela é frágil, apesar de sua armadura e precisa de atenção e ser notada. Ela não se dá nada bem com o ex marido e muito menos com a atual esposa dele que parece ser "perfeita" e ter todos os homens ao redor lhe dando atenção, incluindo o marido atual de Madeleine. Ali existe uma espécie de rixa entre ela, seu ex e seu atual marido... A esposa do ex marido é mais estilo good vibes! 

Temos também Jane, que chegou a pouco nessa comunidade bizarra de pessoas que sabem tudo uns sobre os outros. Ela foi em busca de um novo começo com o seu filho, mas logo de cara seu filho é acusado de praticar bullying com a filha de Renata uma mulher bem sucedida, mas que se sente culpada por trabalhar fora e não ser a mãe dedicada integralmente que outras o são.. Para Renata parece que tudo é um jogo constante de quem é melhor do que quem. Seu filho tem muitas perguntas sobre o pai, assim como sua nova amiga Madeleine que adora um "caso de caridade ou caso perdido", e "adota" Jane para seu clubinho de amigas, que inclui ela e Celeste.

Celeste era uma advogada bem sucedida, que largou a carreira para se dedicar aos filhos gêmeos e seu marido abusivo. Ela tem uma relação bem estranha, sofrendo abusos e as vezes revidando.. Digamos que rola um amor doentia por ambas as partes e aos poucos isso vai se tornando mais e mais violento.

A trilha sonora é fundamental em várias cenas do enredo, tornando a coisa ainda mais especial. Engraçado que muitas das músicas que compõe tal trilha são escolhas da filha caçula de Madeleine, que apesar de ser tão nova, tem um excelente gosto musical.

Todos os episódios foram maravilhosos, como eu disse, amanheci o dia assistindo, mas o último episódio, é um show à parte e merece honras por um desfecho tão perfeito. Saberemos quem é o pai do filho de Jane, que foi vítima de um estupro ou uma relação estranha no mínimo, com um cara que conheceu em um bar, levou-a para um quarto, fez sexo com violência, deixando-a completamente sem ação e marcada para o resto da vida e com um filho na barriga. A forma como a identidade do pai do filho de Jane é revelada, e a forma como as mulheres se unem umas pelas outras com um segredo eterno.. Leva o enredo a um nível digno de premiação!

Vou parar por aqui, pois não quero dar spoilers, mas super recomendo a série e também o livro.. E juro que gostei tanto de um, quanto do outro.. Mas é praticamente impossível não ficar vidrado no seriado. As interpretações dos atores e todo o resto estão impecáveis!
Sem defeito algum para por!


O elenco conta com atores incríveis, alguns dos principais:


Primeira foto: /Personagem: Celeste Wright
Segunda foto: /Personagem: Madeline Martha Mackenzie
Terceira foto: /Personagem: Jane Chapman 

Primeira foto:  /Personagem: Perry Wright (True Blood)
Segunda foto: /Personagem: Nathan Carlson
Terceira foto: /Personagem: Ed Mackenzie


Primeira foto: /Personagem: Renata Klein
Segunda foto: /Personagem: Gordon Klein
Terceira foto: /Personagem: Bonnie Carlson 

A trilha sonora maravilhosa está no meu Deezer e vocês podem ouvir também, clicando aqui:



Alguém já leu o livro ou assistiu a série? Conta aí o que achou?

29 comentários

  1. Oi Karini, tudo bem?
    Posso confessar uma coisa? Eu me sinto muito otária porque todo mundo ama essa série e eu tenho CERTEZA que ela é ótima, mas por alguma razão, da qual eu não faço a mínima ideia, eu tenho um certo ranço com ela. Não sei o motivo, mas torço o nariz. Tenho certeza que sou eu que estou perdendo, mas fazer o que...

    Att.,
    Eduarda Henker
    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que se der uma chance irá curtir. O seriado é realmente incrível!
      Beijos.

      Excluir
  2. Eu adoro demais quando a trilha sonora é visceralmente ligada à trama porque é sinal que a coisa é boa, sabe? Sinal de que vou ficar boa parte do tempo apreensiva hahaha. Eu já coloquei na fila pra maratonar! Vai ser logo depois de Objetos cortantes, dica sua também. Muito bacana a maneira como o empoderamento foi abordado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que goste. A trilha sonora é incrível sim e a HBO anda fazendo um trabalho incrível nas adaptações.. Por enquanto, posso dizer algo atípico, que amei tanto livro quanto o seriado.

      Esse seriado é curtinho e tem tanta coisa interessante retratado nele, além de contar com atores incríveis e já renomados.

      Excluir
  3. Fiquei bem curiosa para conferir essa.
    Eu também sou apaixonada por séries e quero conferir

    Abraços,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois confira. É uma série muito boa, com elenco renomado, trilha sonora diga e enredo rico.
      Beijos.

      Excluir
  4. Oiii Karini

    Eu ainda não li nem o livro e nem assisti a série, mebora eu ameee demais o elenco, as três são maravilhosas e saber que as interpretaç5es estão impecáveis já faz tudo valer demais a pena. Não sei se lerei o livro,s e te sou sincera não me chama a atenção, mas a série com certeza vou querer conferir assim que rolar um tempinho extra.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alice, tenta ver a série ela é bem rica e fiel ao enredo original. Acredito que vá gostar e as interpretações estão incríveis.. Um dos melhores seriados que eu assisti esse ano, em relação a elenco, enredo, trilha sonora e muito mais.
      Beijos.

      Excluir
  5. Gostei da sua postagem, sempre estou visitando seu blog e lendo suas postagens.. Seu blog está salvo em meus favoritos..

    Parabéns!

    Amo seu blog ❤️..

    Meu Blog: Melissa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Melissa. Não consigo acessar o seu blog, está indo para uma página de erro.

      Excluir
  6. É bom quando há adaptação de livro para as telas de tv, é uma forma de conhecer o livro muitas vezes não temos tempo de ler e em série já fica mais fácil, gostei muito do elenco é um elenco de grandes atrizes. A série aborda de um assunto que mexe muito com a nossa sociedade o bullying, fiquei bastante curiosa pela série pelo tema abordado e pelo elenco vale a pena assistir, bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, muitas vezes pulamos a leitura e as séries ou adaptações são a opção que nos resta para aquele momento.
      O elenco é realmente incrível.
      As reflexões são realmente importantes e necessárias..
      Beijos.

      Excluir
  7. Não sei por qual motivo sempre acabo deixando essa série de lado e optando por outras, mas depois dessa resenha vejo que quem está perdendo sou eu. Não conhecia o enredo tão detalhadamente, pelo que parece é um seriado muito intenso que gira em torno do universo feminino. Podemos nos identificar com os problemas, desejos e aspirações das protagonistas, acho que a obra toca fundo em certas feridas, como o relacionamento abusivo e estupro. Realmente deve ser uma série sensacional, será a minha próxima da lista. Ah, gosto muito de trilhas sonoras condizentes com as histórias, enriquecem e nos conectam mais ainda com a trama.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O seriado é intenso sim Patrícia, mas trás aquela realidade da vida real sabe? Porém tem bom humor também e muitas reflexões.. O elenco é maravilhoso e muito conhecido.
      A trilha sonora é maravilhosa.

      É uma série incrível.
      Assista, se puder.
      Um beijo.

      Excluir
  8. Olha, acho que de todos que comentaram aqui, eu sou o unico que nunca ouvi falar nessa série haha...mas pelo o que voce escreveu acho que vale a pena assistir os 7 episodios e ver o que acho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é normal se sentir "por fora", acho que a maioria do meu público está bem ligada em livros e séries de tv, assim como filmes, por isso esse "estranhamento" de ser o único, talvez que não ouviu falar da série.. Não liga, nunca é tarde para te "viciarmos" nesse mundo.. rsrs

      Vale muito a pena assistir sim. Tem reflexões importantes.. Fala de forma realista sobre muitos assuntos importantes do dia a dia, sem perder o bom humor, tem um elenco espetacular! E uma trilha sonora maravilhosa.. Ainda que com clássicos mais antigos, até minha filha ficou fascinada.

      Um abraço.

      Excluir
  9. Que legal! Parece ser uma série que trata os assuntos pesados de forma mais tranquila para que todos consigam assistir e terem reflexões importantes sobre a realidade dos problemas. Vou já procurar, ainda mais por ter no time um dos atores de Revenge!
    Abraços! 😊

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim. Trás temas pesados de maneira suave e com muito bom humor e um elenco extraordinário!
      Vale a pena!

      Abraços.

      Excluir
  10. olá, Karini. ^^
    Eu conhecia o livro - apesar de não ter lido - mas nem sabia que havia essa série dele. apesar das temáticas pertinentes abordadas no enredo, não me senti empolgada pra assistir...
    talvez eu dê uma chance por causa da Nicole no elenco ^^
    bjs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha.. Eu li o livro e gostei.. Não tinha certeza se veria a adaptação.. Mas esse elenco fala por si.. e isso já empolga e muito por conferir.. A HBO anda arrebentando nas adaptações.
      Beijos.

      Excluir
  11. Oi Ka, tudo bem?
    Eu nunca li este livro da autora, acredita? Sempre fui adiando a leitura, até que saiu a adaptação e falei que só ia assistir depois de ler rs.. sonho meu.
    Preciso colocar em dia, pois apesar dos temas complexos e pesados, só encontro elogios sobre a obra. Amei essa indicação <3

    Beijos
    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito sim. É uma autora que dividi opiniões e gostos, mas trás um enredo bem realista e palpável. Se tiver uma chance leia. Talvez curta.

      Pode assistir a adaptação sem ler o livro e vice versa.. sim é bem fiel. Mas a experiência de um, não altera a experiência do outro..
      Beijos Clay

      Excluir
  12. Ola
    Eu já tentei ler o segredo do meu marido e confesso que não tive exito em continuar a leitura. E essa serie por ser baseada no livro pequenas grandes mentiras me deixa com um pé atras para querer assisti-la. Mais vou tentar dá uma chance para a serie para ver se gosto mais do que do livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, costumo dizer que livros como O segredo do meu marido, pessoas que tem experiência com casamento, relações sérias e filhos, por exemplo, costumar gostar mais que pessoas mais jovens, ainda no começo de suas experiências, pois é de fácil identificação com o leitor algumas situações, então dá aquela sensação de ler a vida de alguém sabe?

      Mas a série em questão é incrível, muito bem ambientada, com um elenco espetacular que fala por si só.. E trás um enredo com dramas, mistérios, e muitas reflexões que todos os grupos costumam gostar..
      Se curte esse tipo de série de tv, essa pelo elenco em si, já vale a tentativa.

      Se assistir, me conta depois.
      Abraços.

      Excluir
  13. Boa noite,

    Bem...fiquei bem indecisa agora! Eu sempre disse que nunca iria ver esta série! Até porque ela me faz lembrar aquela "Pretty Little Liars"...é tão misteriosa e...também há homicídios...Na Big Little Lies...bem...o livro...não me cativou muito contudo, após ler a sua opinião e a descrição que fez tão entusiasmante...acho que vou dar uma oportunidade à série, que acha?
    Merece? Além disso...é um bom motivo para comer pipocas e enroscar-me num sofá com o meu namorado ahaha

    Cordialmente,
    A Alfacinha
    www.aalfacinha.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, eu li o livro e vi a série.. Achei os dois maravilhosos.. Mas a série através da adaptação visual, trilha sonora e elenco trás um colorido especial. Eu recomendo bastante, pois trás reflexões, temas reais de uma maneira interessante e palpável. Tem de tudo, risos, choros, romance, traição e muito mais. Se tiver um tempo e oportunidade tenta.. É uma série curtinha que eu acho que vale bem o nosso tempo!
      Abraços.

      Excluir
  14. Oi, Karini!
    Eu ainda não sabia que o livro havia sido adaptado e gostei da indicação. Eu não li o livro, mas tenho muita vontade, acho a premissa dele interessante demais e espero poder ler ainda esse ano. A série parece estar ótima também, gostei de ver seus comentário sobre e o elenco está maravilhoso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bea, pode ver o seriado e depois ler o livro ou vice e versa, como achar que o seu momento se adequada.. Ambos são excelentes e um está bem fiel ao outro. Sendo que a mega produção da HBO conseguiu trazer mais vida ao enredo, ainda que em livro eu tenha gostado muito, e é um livro que tenho muito carinho, pois foi meu pai que me deu, ele não costuma me dar livros, tenho 7 livros dados por ele a mim.. Então, acho que entende? Ele e minha mãe não foram grandes incentivadores da minha leitura, tomei gosto por curiosidade e sozinha, ainda na infância.

      Mas retornando ao post, o seriado ganhou um colorido mais especial, por ter esse mega elenco, além de uma trilha sonora incrível.
      A história que eu li ganha vida e proporções mais nítidas e amei demais mesmo!
      A HBO anda arrasando nas adaptações.

      Beijos.

      Excluir
  15. O livro está na minha lista há um tempão, mas ainda não consegui encaixar nas leituras. Preciso ler antes de assistir a série porque sou dessas rsrs
    Adoro quando abordam esses temas tão polêmicos, pois rendem ótimos enredos, com mistério e drama. Já estou curiosa pra saber quem é o pai do filho da Jane!
    Vou procurar pra assistir :)
    E o blog está um amorzinho mesmo! Parabéns!

    ResponderExcluir